segunda-feira, 5 de março de 2012

Minha experiência nos cuidados com as gêmeas, do nascimento aos 6 meses.




 Olá, meninas
Quero compartilhar com vocês, algumas experiências que tive com minhas princesas gêmeas desde de quando nasceram.
Assim que descobri que estava grávida de gêmeos, já começaram os comentários : Ah, quando chora um o outro chora tambem, tudo que um sente o outro sente também, quando um fica doente o outro fica tambem. Nenhuma informação procede.
As pessoas tem que entender que apesar de serem gêmeos, são duas pessoas diferentes , até podem ser idênticos, mas cada um tem uma personalidade diferente e a medida que vão crescendo isso fica mais perceptivel.
Durante a gravidez delas, tive pré-eclampsia ou DHEG (Doença Hipertensiva Específica da Gravidez), o problema foi diagnóstico quando estava com 5 meses e tive que ficar de repouso desde os 6 meses, sem trabalhar e sem fazer qualquer esforço fisico. Me consultava toda semana e fazia um exame chatérrimo onde se detectava o quanto de proteínas que estava perdendo na urina. Quando estava quase entrando no oitavo mês, minha pressão subiu demais e não normalizava, então meu parto foi marcado, para o dia da mentira 01/04, fiquei com muita raiva da médica por causa disso, mas não teve como marcar para outra data, porque não podia mais esperar. Foi um parto tranquilo e muito emocionante, pois as gêmeas tinham somente 50% de chance de sobreviver, devido a gravidade do problema, eu tambem corri risco com a mesma porcentagem de morrer, mas não me importei muito com isso, só o maridão que ficou aos prantos.
 Elas nasceram com 35 semanas de gestação, a Mariana nasceu primeiro com 2.200 kg e 43 cm e a Ana Clara com 2.020 e 44 cm. Ficamos quatro dias no hospital e fomos para a casa, fiquei muito preocupada porque elas eram tão pequenas que tinha até medo de machucar. O primeiro banho foi na pia do banheiro de tão grande que ficou a banheira para elas. Como elas nasceram prematuras e ainda precisavam de atenção redobrada, elas mamavam de 3 em 3 horas durante à noite e de 2 em 2 horas durante o dia. Além do peito tive que dar complemento, mas era só um chuquinha de 80 mL à noite.





Meu marido ficou 15 dias comigo, foi o tempo que ele conseguiu no trabalho, ele me ajudou muito nesse tempo, minha mãe ficava durante o dia, e depois que meu esposo voltou a trabalhar fiquei sozinha e Deus, durante à noite. 
As meninas não me deram trabalho, tiveram poucas cólicas e rapidinho se adaptaram aos horários das mamadas. Com 3 meses de nascida já dormiam à noite toda. 
Elas dormiam no berço que ficava no meu quarto, uma ficava para cima e outra para baixo e quando estava perto de eu voltar a trabalhar coloquei elas no quarto delas, cada uma em seu berço. Coloquei os berços um do lado do outro e quando elas começaram a observar mais as coisas a volta delas, brincavam entre si e caiam na gargalhada. Era maravilhoso, quando elas acordavam, elas não choravam, ficavam brincando uma com a mãozinha da outra. só choravam quando tinham muita fome ou estavam de fralda suja.
Nunca vesti elas iguais, sempre usava o mesmo estilo de roupa, por exemplo vestido nas duas ou conjunto ou macacão, mas sempre diferentes ou na cor ou no modelo, porque apesar de serem gêmeas são diferentes e tambem fica mais fácil identifica-las. Quando eu ia sair de casa, nunca podia sair sozinha, essa foi a parte mais dificil, na época eu não tinha carro e era só de ônibus. Mas passou graças a Deus.
Elas mamaram no peito até os 6 meses de idade, quando voltei a trabalhar, meu leite secou muito rápido, afinal minha produção era aceleradíssima. Elas começaram a mamar leite de soja para evitar alergia por terem nascido prematuras, elas tiveram que usar bombinha até 2 anos e já comiam papinhas também. Na hora do almoço ou jantar era uma farra só, quando eu me distraía um só minuto elas batiam no prato e voava papinha pra todo lado, fora quando sismavam de comer sozinhas, pegavam a colherzinha e colocava até no olho. Era uma festa só e até hoje tudo que elas vão fazer é pura festa, bagunça e diversão.
Vou parar por aqui por enquanto, estarei contando aos poucos pra vocês.
Espero que gostem
Beijo grande no coração de vocês. 


22 comentários:

  1. Muito lindas!!! Adorei a experiencia...
    Ja eh dificil com um, imagine com uma dupla...Deus abencoe voce, pois eh guerreira mesmo!!!
    http://www.meufilhominhavida.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi menina, não deve ser fácil tomar conta de 4 hein!!!! Ter gêmeos já deve ser bem difícil! Você sim é uma SUPER MÃE!!
    Parabéns pelo seu trabalho!
    Vou ocntinuar acompanhando...
    Bjus!

    ResponderExcluir
  3. Que bonecas!
    Nossa amiga, quanta coisa aconteceu...
    mas graças a Deus deu tudo certo!
    E esqueceu que é dia da mentira né? rsrs
    Pra vc é o dia mais importante da sua vida!!!
    Parabéns!
    Mil bjs

    ResponderExcluir
  4. Grá... eu passei aqui ontem e não comentei.
    Muito lindas suas meninas! Deve ser uma delícia duas de uma vez assim.
    bjocas

    http://dani13sophi.blospot.com

    ResponderExcluir
  5. Grazi, imagino a agitação em casa com as pequenas, se aqui a Sophia já inunda a casa com sua alegria e diversão imagina então duas, ou melhor quatro.
    Realmente Deus te abençoou com a melhor dádiva que podemos ter, SER MÃE.
    Bjs
    www.aventurasdasophia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Graziela,

    Amada de Deus,
    bem vinda à parceria BLOGUEIRAS UNIDAS!
    Aguardamos sua visita para ver seu número em nossa lista de divulgação, pedir sua carteirinha a Paulinha.
    Obrigada!
    http://listadedivulgacaoblogueirasunidas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. OI Grazi,
    muito lindas as suas gêmeas. Imaino a quantidade de comentários que você ouviu sobre a tabalheira que seria.
    Mas imagino também a quantidade de alegrias.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Grazi que bonecas são as suas gêmeas,parabéns pelas filhas e pelo blog.
    Estou te seguindo, se quiser retribuir:
    http://www.chocolatecommenta.com/

    ResponderExcluir
  9. Amiga muito obrigada por sua visitinha e pelas palavras de apoio!
    Que duas princesas lindas são essas heim?! Parabens ser mamãe de gemeas da um trabalho, mas quando viramos mãe aprendemos né?! Sempre damos um jeitinho!

    Beijos
    Débora

    ResponderExcluir
  10. Oi Grazi,
    Obrigada!!!
    Não canso de dizer que suas princesas também são lindíssimas!
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Oie querida tem selinho pra você lá no blog.
    Temos um encontro marcado toda semana.

    http://www.cantinhodosam.com/2012/03/selinho-compromisso-mamaes-blogueiras.html

    Bjks
    Andréia

    ResponderExcluir
  12. Imagino você saindo com as filhas e de ônibus, parecia mudança né? A gente leva tanta coisa, só com ajuda mesmo.

    ResponderExcluir
  13. Grazy primeiro vc deu muita sorte rsrsrsrrsrs,cara eu penei muito com a Helena ela foi muitoooo malinha,e até hoje não dorme a noite toda!affff
    Acho que quando nos preparamos mesmo sem saber o que nos espera tudo dá certo,afinal com um filho nasce uma mãe,então imagina com 2???? Mãe super dobrada! rsrs
    E olha aquelas escolhidas para terem gemeos são pessoas muito especiais,Deus acreditou em vc!
    Beijos
    Kaka

    ResponderExcluir
  14. Oi Grazy...PARABÉNS!!! Você ficou em 1º lugar no Top Five do Recanto das Mamães Blogueiras, dessa semana! Esse seu post foi lindo!
    Admiramos muito você...
    Acesse: http://recantodasmamaesblogueiras.blogspot.com/2012/03/top-five-2012.html
    Abraço!

    ResponderExcluir
  15. Oie!!!
    Então até sexta estarei fazendo pedido de novos cordões, caso queira a pulseira me fala a cor que vc quer aí já peço e faço pra vc.
    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Oi Grazi,
    Que lindas suas princesas, e imagino o que seja 2 bebês em casa...mas no final é alegria em dobro, né?
    beijos
    Angi

    ResponderExcluir
  17. Parabéns super mãe!
    Nossa, sou mãe de uma princesa só, então fiquei babando com as tuas quatro!!!
    Beijinhos e tudo de bom!

    ResponderExcluir
  18. Como elas estão lindas.
    http://maosdemocas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Oie lindona...uma graça seu blog!!! Volterei sempre viu!

    Adorei sua historia de vida com suas gemeas...Parabénssssss!

    Sobre as roupinhas iguais, não tenho o contato...mas vc pode entrar em contato direto com asmarcas q citei la no blog...bjssss

    ResponderExcluir
  20. Ola!vim retribuir a visitinha no meu blog!li seu relato e vou te dizer q as pessoas me falavam o msmo!mas nao acontece comigo!meus bbs tem 4 meses e sao comportadissimos ate!so em relaçao com as roupas é q nao vesti eles ainda iguais com cores diferentes!ganhei tanta coisa(graças a Deus)q ainda nao comprei novas roupinhas!sou toda confusao com as roupas deles!rsrsrsr!vai relatando como foi com as suas mocinhas pois mesmo tendo filhos preciso de muiita orientaçao quanto ao trato com gemeos!bj*

    ps:minha mana tmbm é profe de crianças na igreja!e eu canto tmbm!^^

    ResponderExcluir
  21. Gostei de ouvir esse relato sobre as gêmeas. A maioria das mães estão descabeladas, sem saber para onde olham. Você mostrou que com amor e força de vontade, tudo se encaixa! Parabéns!
    Beijinhos
    Aline
    festascriativasbyalinegago.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Passando para desejar que vc tenha uma ótima semana, bjs

    ResponderExcluir

Adorei a sua visita e ficarei muito feliz com seu comentário.